Instituto Superior Técnico

Calendário Formações – 1ºSemestre 2020/2021

Formador Formação Data Hora Link Inscrição
Eng.º Nuno Sobrinho Programa Design Thinking 4/02, 11/02, 18/02, 25/02 e 04/03

 

10h00- 12h00 Inscrições encerradas

 

Prof. João Nuno Silva

 

The TEAMS we have…. 11/02/2021 14h00-15h30 Inscrições encerradas
Dr. João Paiva Fernandes Desenvolvimento e aplicação de questionários On-Line com recurso à plataforma Limesurvey 17/02/2021 10h00-12h00 Inscrições encerradas
Prof. António Rito Silva Flipped Classroom with Técnico Quizzes 18/02/2021  17h00- 18h30 Inscrições encerradas
Profª  Ana Moura Santos
Profª Alexandra Moutinho
ExonlineX: construir uma avaliação online para distribuição e correção automática 19/02/2021  14h00-17h00 Inscrições encerradas

 

 

Profª Caroline Dominguez e Profª Helena Silva Lições aprendidas do projeto europeu  “Crithinkedu: Critical Thinking across the European Higher Education Curricula” http://crithinkedu.utad.pt/ 22/02/2021  9h30-12h30 Inscrições encerradas
Prof. Manuel João Costa Avaliação da aprendizagem: dos fundamentos à prática 23/02/2021 10h00-12h30 Inscrições encerradas
Drª Isabel Gonçalves Como Envolver os Estudantes no Ensino Online? 24/02/2021 10h00-12h00 Inscrições encerradas
Prof. Moisés Pinto Utilização do Google Classroom e da plataforma GSuite para ensino e avaliação 25/02/2021 10h00-12h00 Inscrições encerradas
Dr. Gonçalo Moura
Drª Patrícia Simões
Apresentações em sala de aula – Como orientar os estudantes 26/02/2021 10h00-12h00 Inscrições encerradas
Profª Ana Marques; Profª Beatriz Silva; Prof. Carlos Baleizão; Prof. Horácio Fernandes; Prof. João Mendanha Dias; Profª Marta Fajardo Ensino Experimental em Tempos de Pandemia 26/02/2021 14h00-15h30 Inscrições encerradas


Calendário Formações 1º semestre 2020/21

 

Programa de Design Thinking

Engenheiro Nuno Sobrinho

4/02, 11/02, 18/02, 25/02 e 04/03 de 2021

10h00 às 12h00

Nota: é obrigatório participar nas 5 sessões

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 10

 

O Programa de Design Thinking é uma experiência, que vai muito para além do seu conceito e definição. Os participantes têm a oportunidade de “arregaçar as mangas” e, ao longo de 5 semanas, compreender e praticar em profundidade a fundação que sustém o Design Thinking, todas as suas fases críticas, bem como métodos e metodologias que normalmente são aplicados, em que momentos e porquê. A jornada ajuda cada participante a aprender fazendo, sendo o Programa maioritariamente prático com desafios reais e intervenientes reais, isto é, são abordados desafios da vida real onde interações com potenciais consumidores/usuários/clientes/stakeholders reais são preponderantes.

Os participantes finalizam o Programa a entender o porquê do sucesso do Design Thinking, e com ferramentas que levam consigo na sua vida profissional e que, certamente, tornarão o dia-a-dia mais fácil.

O Programa é 100% remoto, sendo facilitado ao longo de 5 sessões live, 1 sessão por semana, onde cada sessão tem a duração de 2h. Entre cada sessão (da sessão 1 à sessão 4) haverá exercícios práticos para executar e preparar durante a semana para a sessão seguinte. O conteúdo das sessões live é bastante acessível a qualquer participante, contudo, sugere-se que para os exercícios práticos entre sessões deverá haver uma dedicação de cerca de 4h/5h por semana. Em termos de requisitos para participar no Programa, é apenas necessário um computador, velocidade de internet moderada, um espaço calmo e silencioso para usufruir durante 2h por semana e a atitude certa para pensar, colaborar, praticar e criar.

Preparação para a formação : uma vez que vamos trabalhar com uma plataforma visual colaborativa (mural.co), na semana que antecede a primeira sessão, é partilhado um breve exercício nessa plataforma para que os participantes ganhem familiaridade com a mesma e de como devem trabalhar nela (questões básicas e de rápido conhecimento). Isto evita alocar tempo desnecessário durante as sessões sobre as regras básicas de funcionamento da plataforma e focar no que é realmente necessário.

 

O Engº. Nuno Sobrinho é formado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior Técnico (IST) em 2004, iniciou a sua atividade profissional no sector da construção e transitou para a consultoria e gestão de projetos em 2006. Ávido pela aprendizagem, continuou a sua evolução académica entre 2007 e 2010 com uma Pós-Graduação em Business Administration no INDEG, Executive Education do ISCTE e, mais tarde, uma Pós-Graduação em Hotel and Hospitality Management pela UALG, Universidade do Algarve. Entre 2013 e 2018 viveu e trabalhou na Austrália onde teve a possibilidade de desenvolver competências e ganhar experiência internacional, nomeadamente, na área do Design Thinking, startups e sector governamental Australiano, onde fez parte da equipa de um dos mais reconhecidos municípios da cidade de Sydney, Mosman Council. Ao longo do seu percurso profissional foi desenvolvendo uma paixão especial por questionar muito e de uma forma constante, com o objetivo último de compreender qual era exatamente o problema que estava a tentar resolver. Em 2015, ao fundar uma startup de nome Efficient Move, em Sydney, iniciou um profundo estudo e especialização na área do Design Thinking com entidades de referência como a IDEO, IDEO U, +Acumen, D. School of Stanford, Darden School of Business e University of Sydney. Nos dias de hoje, ajuda organizações a diminuir o risco de insucesso, através do Design Thinking. Neste âmbito, os desafios estão normalmente relacionados com temas de Business & Service Design, UX Design, Estratégia ou Inovação. Outro foco em que se tem especializado é em Employee Experience Design, onde utiliza o seu know-how, skills e experiência do mundo do consumidor ou usuário final, para ajudar organizações a desenhar e melhorar a experiência dos seus trabalhadores, desde o momento em que se candidatam a uma oportunidade profissional até ao momento em que abandonam a organização. Em paralelo, concebeu alguns programas de formação na área do Design Thinking, que facilita em formato presencial ou inteiramente remoto. Estes programas podem ser consultados no seu website em: doquestion.com/learningexperience. Um objetivo pessoal na área do Design Thinking é partilhar e promover o ensino desta abordagem criativa e colaborativa junto das Instituições Educacionais, ao ter oportunidade de capacitar as gerações mais novas, outros e outras com pensamento alternativo e crítico durante a resolução de problemas complexos.

Saber mais sobre Nuno Sobrinho: doquestion.com

 

The TEAMS we have…

Prof. João Nuno Silva

11/02/2021 – 14h00-15h30

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 20

Esta formação consistirá numa apresentação e leve introdução à plataforma TEAMS da Microsoft, disponibilizada aos docentes do IST. Será feita a apresentação da sua origem, arquitetura e funcionalidades genéricas, sendo posteriormente apresentadas as características particulares da versão do IST/ULisboa.

Esta plataforma também será comparada com ferramentas de colaboração que estão atualmente disponíveis (mail, Google docs, …). No final da formação os participantes terão a capacidade de perceber como aceder ao TEAMS, o modelo de funcionamento básico e as suas limitações.

O Prof. João Nuno Silva é Licenciado, Mestre e Doutor em Engenharia Informática e de Computadores pelo IST. Docente do Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores. Investigador do Grupo de Sistema Distribuídos do INESC-ID, onde faz investigação em Sistema Distribuídos, Computação Móvel e Middleware para desenvolvimento de aplicações Web.

 

Desenvolvimento e aplicação de questionários On-Line com recurso à plataforma LimeSurvey

Dr. João Fernandes

17/02/2021 – 10h00-12h00

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 15

O objetivo desta formação é dotar os participantes do conhecimento essencial que lhes permita construir, aplicar, gerir e analisar os resultados de um inquérito por questionário utilizando o LimeSurvey. É uma formação de carácter introdutório e dirigida a quem não tem ainda experiência na aplicação de questionários.

O Dr. João Fernandes é licenciado em Sociologia e Pós-Graduado em Análise de Dados em Ciências Sociais pelo ISCTE, coordena atualmente o Núcleo de Estudos & Projetos do IST (E&P), estrutura responsável pela monitorização e análise do percurso profissional dos diplomados do IST, análise bibliométrica da produção científica do IST e Observatório de Rankings. Nos últimos anos tem também prestado apoio à comunidade IST no desenvolvimento e aplicação de inquéritos por questionário com recurso ao LimeSurvey.

 

Flipped Classroom with Técnico Quizzes

Prof. António Rito Silva

18/02/2021 – 17h00 – 18h30

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 20

The flipped classroom approach. Técnico Quizzes basic functionalities. Before class: quizzes on demand and students submit questions. During the class: a quiz at the end of the class. After class: students discuss the question solutions. Prepare to exam: quizzes on demand and tournaments of quizzes. Management: the questions bank.

António Rito Silva is an Associate Professor at Instituto Superior Técnico (IST) of the University of Lisbon (UTL) and researcher of Distributed Parallel and Secure Systems of INESC-ID. He teaches Software Engineering and Software Architecture, in which, in the last year, applied the Flipped Classroom approach using the Técnico Quizzes tool.

 

ExonlineX: construir uma avaliação online para distribuição e correção automática

Profª Ana Moura Santos e Profª Alexandra Moutinho

19/02/2021 – 14h00-17h00

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 20

Discussão de algumas técnicas para construir uma avaliação online para distribuição e correção automática. Previamente será publicada uma avaliação modelo, exame Demo, a que os(as) participantes deverão aceder previamente à sessão para submeter as suas respostas. Assim, podem chegar à sessão de formação já com uma experiência de avaliação online como “estudante”. Durante a formação, os(as) participantes irão implementar uma avaliação modelo previamente planeado pelos(as) próprios(as) para uma Unidade Curricular (UC) em que participem. Será ainda explicado como se obtêm pautas, e se fazem correções manuais de questões, de modo a complementar a experiência da avaliação online como “professor(a)”.

Nota: apenas se poderão inscrever participantes do Instituto Superior Técnico. Os(as) participantes inscritos irão receber um email com instruções para registo prévio na plataforma MOOC Técnico.

Atividades de preparação para a formação: i) inscrição na plataforma MOOC Técnico e na avaliação Demo do ExonlineX; ii) Resolução do exame Demo no ExonlineX; iii) Preparação de um enunciado (reduzido) de uma UC para implementação durante a sessão.

A Profª Ana Moura Santos é docente do Departamento de Matemática do Instituto Superior Técnico, Lisboa, e coordenadora do projeto MOOC Técnico desde 2016. Desenvolveu investigação na área da Teoria de Operadores e Análise Funcional com aplicações a Física-Matemática, e leciona regularmente as UC de Álgebra Linear e Cálculo Diferencial e Integral II. É responsável pela coordenação científico-pedagógica da produção dos cursos online do MOOC Técnico, sendo autora dos cursos “Matrizes de Markov” e “Valores Próprios”. Participou no Projeto de Inovação Pedagógica 2019 “ExonlineX: Exames Online na plataforma MOOC Técnico”.

A Profª Alexandra Moutinho é docente no Departamento de Engenharia Mecânica do Instituto Superior Técnico, onde desenvolve investigação na área da robótica móvel e leciona unidades curriculares como Controlo de Sistemas e Controlo de Voo. Desenvolveu e apresenta o curso MOOC Técnico “Simulação e Controlo de Drones” desde 2018. Participou no Projeto de Inovação Pedagógica 2019 “ExonlineX: Exames Online na plataforma MOOC Técnico”.

 

Lições aprendidas do projeto europeu “Crithinkedu: Critical Thinking across the European Higher Education Curricula”

http://crithinkedu.utad.pt/

Profª Caroline Dominguez e Profª. Helena Silva

22/02/2021 – 9h30 -12h30

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 40

O desenvolvimento do Pensamento Crítico (PC) é considerado um objetivo fundamental no Ensino Superior. No sentido de alcançar esse objetivo de forma explícita, sistemática e sustentada, o projecto Crithinkedu “Critical Thinking across the European Higher Education Curricula” focou-se na criação de um protocolo educacional para a promoção do pensamento crítico nas instituições de ensino superior.

Depois de um questionamento sobre o conceito de pensamento crítico e uma tentativa de definição conjunta com os participantes, neste workshop/seminário pretendemos mostrar, com base nos resultados intermédios do projeto Crithinkedu, como se chegou à elaboração desse protocolo. Nesse percurso, ao mesmo tempo que serão partilhadas as lições aprendidas do projeto, os participantes terão a ocasião de avaliar a importância do seu papel como docentes, na promoção de um pensamento de elevada qualidade e cada vez mais independente/livre dos seus estudantes, assim como dos passos necessários para ajudá-los a tornarem-se agentes de transformação positiva na sua futura profissão e na sociedade

A Profª. Caroline Dominguez é Professora Auxiliar em gestão empresarial/industrial no Departamento de Engenharias da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), onde leciona desde 2006 (ORCID: 0000-0002-8486-4142). Investigadora do Centro de Investigação em Didática e Tecnologia na Formação de Formadores (CIDTFF) de Aveiro e do Centro de Estudos Transdisciplinares para o Desenvolvimento (CETRAD) da UTAD, os seus principais interesses científicos e publicações centram-se nas áreas do ensino/aprendizagem, nomeadamente do desenvolvimento do pensamento crítico no ensino superior e da gestão (de projeto, de operações, de recursos humanos e da qualidade, ambiental e mais recentemente na área do turismo). Coordena desde 2012 a comunidade de prática pluridisciplinar sobre pensamento crítico e criativo da UTAD (WebPACT). Participa(ou) em projetos nacionais e internacionais, nomeadamente como coordenadora dos projetos de Inovação Pedagógica “Pensamento Crítico em rede no Ensino Superior” financiado pela FCT e do projeto Europeu Erasmus + “Crithinkedu: Critical Thinking Across the European Higher Education Curricula” e como membro (atualmente) do projeto internacional da OCDE-CERI “Fostering and Assessing Creativity and Critical Thinking Skills in Higher Education”. Coordenou duas edições especiais da Revista Lusófona sobre Pensamento Crítico na Educação (nº 32 e nº 44) e uma edição especial sobre o mesmo tema na revista internacional Studies in Higher Education, nº 44(5). Participou/a em vários eventos e/ou conferências em instâncias nacionais e internacionais sobre promoção de pensamento crítico no ensino/aprendizagem, tendo, entre outros, coordenado (ou co-coordenado) a organização do 2º Seminário Internacional sobre Pensamento Crítico (2015), o 1º seminário europeu para a educação do pensamento crítico em Leuven (2019) e as Special Tracks sobre o tema nas conferências Tech Edu de 2018 e de 2020. É membro integrante de várias comissões científicas e da Sociedade Portuguesa Para o Ensino da Engenharia (SPEE). Participou como formadora de vários cursos sobre Pensamento Crítico, em distintos níveis de escolaridade, incluindo no ensino superior. Co-coordenou a elaboração do livro “Educar para o pensamento crítico na sala de aula. Planificação, estratégias e avaliação”, publicado pela PACTOR em 2019.

A Profª Helena Silva é Professora Associada do Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Trás- os- Montes e Alto Douro (UTAD) desde 2004 e investigadora do Centro de Investigação e Intervenção Educativas da Universidade do Porto (CIIE). Os seus principais interesses de investigação estão relacionados com metodologias de ensino e aprendizagem e desenvolvimento profissional docente, com ênfase na aprendizagem cooperativa, avaliação formativa, pensamento crítico e criativo e comunidades de prática (ORCID  0000-0003-2855-9634 [6]). Participou em vários eventos e/ou conferências nacionais e internacionais como membro da Comissão científica e organizadora, nomeadamente na comissão científica e organizadora do 2º Seminário Internacional sobre Pensamento Crítico. Participou em projetos nacionais e internacionais, nomeadamente nos projetos de Inovação Pedagógica “Pensamento Crítico em rede no Ensino Superior” financiado pela FCT e no projeto Europeu Erasmus+ “Crithinkedu: Critical Thinking Across the European Higher Education Curricula”. É atualmente membro do projeto internacional da OCDE-CERI “Fostering and Assessing Creativity and Critical Thinking Skills in Higher Education”. Tem publicados em co-autoria 9 livros sobre Educação.  É formadora de educadores e professores, dos vários níveis de escolaridade, incluindo o ensino superior, em especial, no âmbito do Pensamento Crítico e Criativo. ​

 

Avaliação da Aprendizagem: dos Fundamentos à Prática

Prof. Manuel João Costa

23/02/2021 – 10h00-12h30

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 50

Atualmente, a avaliação da aprendizagem dos estudantes na generalidade das unidades curriculares de cursos do ensino superior recorre a métodos tradicionais – por exemplo, testes sumativos e exames escritos – para avaliar o sucesso do aluno em atingir os resultados de aprendizagem pretendidos. Os métodos de avaliação sumativos, que privilegiam os desempenhos num número reduzido de provas, são caracterizados pela sua objetividade e aceitabilidade geral nas academias. Porém, são conhecidas as suas limitações, por exemplo no que respeita a contribuir para o processo de aprendizagem dos estudantes, por não criarem condições para que todos os alunos tenham oportunidades iguais de demonstrar a obtenção dos resultados de aprendizagem e por exigirem um investimento significativo em recursos para minimizar situações de fraude académica. Além disso, a falta de flexibilidade na conceção destes modelos de avaliação dificulta a realização de ajustes para atender a circunstâncias imprevistas, como foi exemplo recente o advento da pandemia COVID-19. Partindo dum modelo que captura práticas de avaliação disseminadas no ensino superior, esta formação retomará os fundamentos de desenvolvimento da avaliação para encontrar elementos e modelos alternativos, passíveis de implementação na generalidade das unidades curriculares dos cursos do ensino superior.

Manuel João Costa is Associate Professor at the School of Medicine and Pro-Rector for Educational Innovation and Student Affairs at the University of Minho. Having earned his Biochemistry Degree and PhD in Biomedical Sciences, his primary research areas are medical education and biochemistry and molecular biology education. He is member elect to the education committee of the Federation of European Biochemical Societies, invited member to the education committee of the International Union of Biochemistry and Molecular Biology and delegate at the faculty development committee of the Association for Medical Education in Europe. He has served as associate editor for international journals, including PLOS One and BMC Medical Education and is editorial board member of the journal Biochemistry and Molecular Biology Education. Researcher ID: C-3900-2009; ORCID: 0000-0001-5255-4257.

 

Como Envolver os Estudantes no Ensino Online?

Drª Isabel Gonçalves

24/02/2021 – 10h00 -12h00

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 30

Explicitação dos conceitos principais associados à inteligência emocional: autoconsciência e autorregulação, consciência do outro e empatia, regulação interpessoal. Aplicação dos conceitos da Inteligência Emocional ao Ensino Remoto, tendo em vista um maior envolvimento dos estudantes nas aulas. Discussão dos desafios e das oportunidades do ensino online, através da apresentação de um conjunto de estratégias práticas passíveis de ser implementadas em formatos de ensino remoto ou misto.

A Dr.ª Isabel Gonçalves é licenciada (Pré-Bolonha) pela Faculdade de Psicologia da Universidade de Lisboa desde 1989, tendo-se especializado em Psicoterapia e Aconselhamento. Em 2001 completou a sua Formação em Psicoterapia na Associação Portuguesa de Terapia Comportamental e Cognitiva (atualmente APTCCI). Finalizou a sua formação na APTCCI com uma dissertação sobre Aconselhamento Psicológico no Ensino Superior, usando o modelo Cognitivo-Comportamental. Nesta associação, Isabel Cristina Gonçalves é também formadora e supervisora de adultos, desde 2003. Membro nº 006085 da Ordem dos Psicólogos Portugueses (OPP), é Psicóloga Especialista em Psicologia Clínica e da Saúde e em Psicologia Educacional, tendo também as Especialidades Avançadas de Psicoterapia e Coaching Psicológico. Ainda na OPP, foi Presidente da Comissão de Estágios durante a vigência da Primeira Direção (2011 – 2014). Foi membro fundador da Rede de Serviços de Aconselhamento Psicológico no Ensino Superior em 2004, da qual foi Presidente no Biénio 2012-2014 e Coordenadora do Serviço de Aconselhamento Psicológico do IST de 1993 até 2006 e Coordenadora do Núcleo de Desenvolvimento Académico (ex Gabinete de Apoio ao Tutorado) de 2006 até à atualidade. Publicou alguns artigos e capítulos de livros nas suas áreas de interesse, incluindo vários capítulos do livro Programa de Monitorização e Tutorado – 8 anos a promover a integração e o sucesso académico no IST (2011) e um capítulo no livro editado este ano pela Sílabo numa colaboração com a APTCCI – Psicoterapias Cognitivo-Comportamentais, editado pelos Professores Telmo Baptista e David Neto.

 

Utilização do Google Classroom e da plataforma GSuite para ensino e avaliação

Prof. Moisés Luzia Pinto

25/02/2021 – 10h00 às 12h00

Inscrições encerradas

Nº máximo de participantes: 50

A plataforma Google Classroom tem vindo a ficar disponível em muitas faculdades e escolas em Portugal. Embora seja principalmente um ambiente de trabalho colaborativo para turmas, pode também ser utilizado eficazmente para a avaliação de alunos nas universidades. Serão abordadas várias estratégias para a utilização desta plataforma na avaliação, com alguns exemplos da sua implementação. Para além da utilização do Google Classroom, será também ilustrado como se poderá usar a plataforma GSuite para disponibilização de conteúdos, interação e dar feedback aos alunos.

O Professor Moisés Luzia Pinto é doutorado em Química (Química-Física) pela Universidade de Lisboa. É docente do Departamento de Engenharia Química do Técnico e é investigador e Vice-Presidente do CERENA. Desenvolve a sua investigação na área dos materiais adsorventes, nomeadamente na síntese e caracterização de novos materiais adsorventes, para a purificação, armazenamento e libertação controlada de gases e também na separação de misturas de gases.

 

Apresentações em sala de aula – Como orientar os estudantes

Dr. Gonçalo Moura e Drª Patrícia Simões

26/02/2021 – 10h00 -12h00

Inscrições encerradas

As competências de comunicação desempenham um papel fundamental em diversos contextos, como na educação e no emprego. O contexto académico permite o desenvolvimento destas competências, por exemplo, através das apresentações orais que consistem em momentos de aprendizagem e de treino das mesmas. Neste sentido, a formação tem como objetivo partilhar a experiência do NDA com os docentes, para orientarem os seus estudantes na elaboração de apresentações orais e para os auxiliar a desenvolver as competências de comunicação em público.

O Dr. Gonçalo Moura é colaborador do Núcleo de Desenvolvimento Académico (NDA) desde 2013. Mestre em Psicologia Educacional pelo Instituto Superior de Psicologia Aplicada (ISPA).

A Drª Patrícia Simões é licenciada em Psicologia do Desporto e do Exercício, pela Escola Superior de Desporto de Rio Maior (2013), e Mestre em Psicologia Aplicada, pela Faculdade de Psicologia da Universidade do Minho (2015). O seu interesse por contextos de rendimento, como a educação e o desporto levou à integração da equipa do NDA em 2018, onde tem desempenhado tarefas sobretudo ligadas à formação em competências transversais e ao acompanhamento de estudantes. Ambiciona contribuir para a melhoria do processo ensino-aprendizagem e para a promoção do bem-estar dos estudantes do Técnico.

 

Ensino Experimental em Tempos de Pandemia

Profª. Ana Marques; Profª. Beatriz Silva; Prof. Carlos Baleizão; Prof. Horácio Fernandes; Prof. João Mendanha Dias; Profª Marta Fajardo

26/02/2021 – 14h00-15h30

Inscrições encerradas

O ensino experimental é fundamental para a formação dos alunos do Instituto Superior Técnico. Na situação atual de pandemia, o ensino experimental fica comprometido e é necessário encontrar uma situação de compromisso.

Neste sentido, o objetivo desta formação é a partilha de experiências de ensino experimental de docentes do Instituto Superior Técnico de diversos departamentos em resposta à situação de pandemia. 

 

A Profª. Ana Marques é professora no Departamento de Engenharia Química do Instituto Superior Técnico, onde leciona unidades curriculares (UCs) de Laboratórios de Engenharia de Materiais, Materiais Poliméricos, Tecnologia de Materiais II, etc. Pertence ao CERENA, onde desenvolve investigação na área de Microencapsulação e Materiais Eco-inovadores. Foi coordenadora de um Projeto de Inovação Pedagógica 2019, o “Hands-on Polymers”, destinado a implementar nas aulas uma componente “hands-on” em processamento e caracterização de polímeros e a executar um projeto interdepartamental envolvendo alunos de várias UCs, no âmbito da Economia Circular.

A Profª. Beatriz Silva é professora no Departamento de Engenharia Mecânica do Instituto Superior Técnico, onde desenvolve investigação na área de Tecnologia Mecânica e leciona unidades curriculares de Tecnologia Mecânica. É membro do Conselho Pedagógico e coordena os Projetos de Inovação Pedagógica do Instituto Superior Técnico.

O Prof. Carlos Baleizão é professor no Departamento de Engenharia Química do Instituto Superior Técnico onde leciona unidades curriculares da área de Química-Física, Materiais e Nanociências. É investigador no CQE onde desenvolve investigação em nanomateriais híbridos multifuncionais. Coordenou o Projeto de Inovação Pedagógica 2019 “Laboratórios de Química: MAIOR autonomia, MAIS laboratório, MELHOR desempenho académico (LQM3)”.

O Prof. Horácio Fernandes é professor associado no Técnico e investigador no IPFN, onde coordena as atividades no ISTTOK. Em 1999 criou o e-lab, o primeiro laboratório remoto no Técnico e um dos poucos no mundo desenhado para educação, com acesso livre a cerca de 20 experiências. Os seus interesses científicos cobrem a operação e controlo em tempo real de dispositivos de fusão nuclear e sua engenharia. Participa regularmente em atividades de divulgação científica. Foi membro do Technical Advisor Panel na F4E (a agência europeia para o ITER) e é coordenador duma actividade de investigação na IAEA.

O Prof. João Mendanha Dias é professor no Departamento de Física do Instituto Superior Técnico desde 1999, onde tem sido responsável de várias unidades curriculares de Física Experimental e que coordena a operacionalidade dos Laboratórios das Físicas Básicas desde 2009. Também desenvolve investigação na área científica de Física dos Plasmas, Lasers e Fusão Nuclear em experiências de interacção laser-plasma e em projectos de aplicações ópticas em colaboração com a indústria e na medicina na área da oftalmologia.

A Profª. Marta Fajardo é professora no Departamento de Física do Instituto Superior Técnico, onde desenvolve investigação na área de Plasmas e Fusão Nuclear e leciona unidades curriculares de Física Experimental Avançada. Tem a seu cargo um laboratório de Investigação em Interação Laser-Plasma, a estação VOXEL do IST-IPFN.